Finanças corporativas: como fazer o gerenciamento de riscos na sua empresa

30/04/2020

O atual momento do mercado corporativo, pautado na crise do novo Coronavírus, gerou uma série de desafios para as empresas. Por isso, as organizações têm buscado maneiras cada vez mais efetivas de aprimorarem a gestão de finanças corporativas. De acordo com um levantamento realizado pela PwC, 67% dos diretores financeiros afirmaram que estão considerando eliminar ou adiar investimentos já planejados por conta da Covid-19. Além disso, o mesmo relatório estima algumas consequências da crise. Nesse sentido, 46% dos executivos preveem que a falta de recursos para o trabalho remoto levará à perda de produtividade e 81% já esperam impactos nas receitas das empresas. 

Para minimizar ao máximo os efeitos da crise, é fundamental estabelecer um efetivo gerenciamentos de riscos na sua organização. Nesse cenário, confira como realizar a gestão de riscos e potencializar a administração das finanças corporativas do seu negócio.

Leia mais: Como implementar um plano de gerenciamento de custos eficiente?

Como fazer o gerenciamento de riscos na sua empresa?

Na prática, o gerenciamento de riscos tem por objetivo identificar possíveis ameaças, sejam operacionais ou decorrentes do mercado e resolvê-las ou preveni-las rapidamente. As principais ações são:

Analise os indicadores

Gerenciar sem analisar é um erro fatal que pode causar grandes prejuízos. Para evitar essa situação, é fundamental considerar todos os aspectos da sua empresa e os números envolvidos. Com isso, entenda os indicadores essenciais por meio de relatórios completos, como despesas de manutenção e mão de obra, gastos extras, investimentos, estruturas, posicionamento no mercado, carteira de parceiros e outras informações relevantes. Esses dados te darão todas as bases para tomadas de decisões estratégicas e conseguem identificar possíveis gargalos financeiros.

Mensure as fraquezas do seu negócio

Após entender as principais métricas para o seu negócio, é momento de compreender quais são suas fraquezas frente à crise. Algumas possibilidades são: falta de estrutura para mudanças operacionais (como o home office), ausência de caixa, aumento da taxa de churn ou outras situações que podem deixar a sua empresa em desvantagem no mercado. 

Alinhe as possíveis medidas a serem tomadas

Com as informações anteriores, é fundamental elaborar e alinhar algumas medidas a serem tomadas para solucionar os problemas levantados, principalmente envolvendo as finanças corporativas. Essas iniciativas devem minimizar os efeitos da crise ao mesmo tempo que atendem às demandas e mudanças do mercado.

Conte com a tecnologia para gerenciamento das finanças corporativas

Finalmente, a tecnologia é a principal parceira para o gerenciamento das finanças corporativas. Isso porque a inovação permite a adoção de novos processos, viabiliza melhorias operacionais e possibilita alterações significativas. Além disso, com os sistemas certos, é possível acompanhar todos os fluxos financeiros de uma área e identificar problemas com agilidade.

Veja também: Finanças inteligentes: como reduzir despesas e melhorar a gestão financeira?

Conheça o SAP Concur Expense

O SAP Concur Expense consiste em uma plataforma de gestão de despesas inovadora. O software viabiliza o controle das finanças corporativas de maneira completa e emite relatórios detalhados a respeito dos gastos envolvidos. O sistema se adequa não apenas às políticas de custos das empresas, mas também a todas suas necessidades operacionais. Além disso, facilita o gerenciamento de riscos com informações estratégicas e em tempo real.  A solução de gestão da SAP Concur possui rápida implementação, navegação intuitiva e pode ser utilizada por qualquer dispositivo conectado à internet, uma característica que permite, inclusive, o trabalho remoto.

Possui alguma dúvida? Entre agora mesmo em contato e saiba mais.