A experiência do colaborador não é somente sobre os colaboradores

30/06/2020, por SAP Brasil

Aumente os resultados, aumentando a satisfação e o engajamento.

Quanto mais contentes os colaboradores estão, melhor é o seu negócio.

Isso é realmente o máximo que você precisa ler; o resto é somente uma prova e algumas dicas de como fazê-lo funcionar para sua empresa.

Você ainda está lendo, então vamos começar com a prova. Um Estudo do Gallup mostra que as empresas que oferecem uma experiência excepcional aos colaboradores geralmente apresentam:

  • Produtividade 17% maior
  • Rentabilidade 21% maior
  • Rotatividade 24% menor

Ok, leia esses números novamente porque eles são realmente espetaculares. Em seguida, faça suas próprias contas para ver o que isso significa para sua organização em termos de dinheiro. Em seguida, considere o simples fato de que, além de ter mais dinheiro, você tem colaboradores mais felizes e mais engajados – colaboradores que querem trabalhar para você.

Essas são boas notícias, e as empresas sabem disso, mas geralmente não sabem como chegar lá. Para adicionar outro ponto na coluna de provas, o relatório global de tendências de capital humano de 2019 da Deloitte relata que 84% dos líderes apontam a experiência do colaborador como uma das principais prioridades, mas somente 9% acreditam que estão prontos para abordar o problema.

Isso nos leva ao “como”.

T&E e o caminho para a felicidade.

A história é bastante curta aqui também. Quando se trata de criar experiências de trabalho melhores, mais fáceis e agradáveis para sua equipe, você começa tirando tarefas manuais e entediantes de suas mesas. Em outras palavras:

Automatizar processos de viagens, despesas e faturamento
aumenta o engajamento, a produtividade e as economias.

Isso também ajuda, de acordo com uma pesquisa recente da Forrester, a incentivar a participação de todos na C-suite. “Para oferecer melhores experiências aos colaboradores e gerar resultados de negócios positivos, as

empresas precisam de soluções automatizadas e escaláveis de gerenciamento de faturas e T&E e contar com a parceria dos departamentos financeiros, de TI e de RH a serviço da transformação da experiência do colaborador.”

O que eles estão dizendo é que vocês precisam trabalhar juntos para que isso aconteça. Não é somente captar recibos, reservar viagens, preencher relatórios de despesas e gerenciar reembolsos que sobrecarrega o processo e reduz a produtividade, é o fato de que os processos dos departamentos financeiros, de TI e de RH geralmente não estão alinhados. Mais uma vez, de acordo com a Forrester, cerca de um terço das empresas luta como resultado de estratégias conflitantes nesses departamentos – criando um incentivo para trabalharem em conjunto.

Indo um pouco mais fundo no “como”.

O que a Forrester recomenda? Você pode ler o relatório completo da Forrester, mas tudo se resume a isso:

Reenquadre o gerenciamento de despesas como um investimento na experiência do colaborador. O engajamento atinge o pico quando os colaboradores passam o tempo fazendo um trabalho que acreditam ser importante. E eles simplesmente não acreditam que os relatórios de despesas sejam tão vitais quanto você. Automatize esses processos e dê a eles tempo para se envolver totalmente no trabalho que eles sabem que é valioso.

Olhe além do departamento financeiro no cálculo dos benefícios do T&E. Se o departamento financeiro for o único tomador de decisão por trás da automação de T&E, eles poderão considerar somente como eles se beneficiam, não como isso beneficia os colaboradores e, finalmente, o negócio como um todo.

Use o T&E como uma maneira de alinhar os departamentos de RH, TI e Financeiro. A automação de T&E facilita a vida dos colaboradores e, quando eles comemoram esse fato, há um efeito halo que beneficia os departamentos de RH, TI e Financeiro – alinhando esses três grupos por uma causa comum.

Quatro resultados que você não esquecerá.

Aonde isso tudo leva? Aonde a automação o leva? O que a felicidade no trabalho equivale no balanço? Você encontrará tudo isso no recente eBook do SAP Concur A experiência do colaborador com seu impacto nos negócios, mas nós reduzimos isso a esses quatro princípios:

  • Menos processos manuais significa que os colaboradores produzem mais
  • Melhores ferramentas oferecem visibilidade sobre dados de reservas, itinerários e gastos
  • Dados integrados de viagens, despesas e faturas ajudam a gerenciar todos os seus gastos em um único local
  • Sistemas mais simples significa menos consultas de TI

Talvez você não veja a alteração da noite para o dia, mas a automação dos processos de viagens, despesas e faturas substituirá substituirá o tédio pela satisfação no trabalho. O departamento financeiro verá conformidade com as políticas aumentar e obterá uma melhor visualização dos dados necessários para gerenciar os gastos. O departamento de TI terá mais tempo livre e recursos, levando o T&E à nuvem. E essas são experiências que todos nós podemos aproveitar.

Para saber mais:

Faça o download da pesquisa da Forrester

Leia o eBook do SAP Concur

 

https://news.sap.com/brazil/2020/06/a-experiencia-do-colaborador-nao-e-somente-sobre-os-colaboradores-bl0g/